Fundação Gregório de Mattos e Saltur vão dividir organização do Carnaval

0

A partir de 2014,  festa será administrada pelos dois órgãos do município

Fundação Gregório de Mattos e Saltur vão dividir organização do Carnaval
Foto: Divulgação / Manu Dias / Agecom

Assim como anunciou o prefeito ACM Neto (DEM), o secretario de desenvolvimento, turismo e cultura Guilherme Bellintani, vem apostando as fichas para a criação de um grande Carnaval no próximo ano.

Sem a responsabilidade da educação, que ganhou uma pasta própria na administração de Neto, Bellintani começou a anunciar diversas mudanças nas políticas culturais da cidade. A primeira delas é a reorganização da Fundação Gregório de Mattos (FGM), agora sob a administração economista e dramaturgo Fernando Guerreiro.

“A partir de 2014, a Fundação também será a realizadora do Carnaval. Atualmente, a festa é organizada exclusivamente pela Saltur e a FGM vive à sombra do Carnaval. Ela não participa efetivamente dessa produção. Vamos mostrar que Carnaval não é só turismo, também é cultura”, anunciou Bellitani em entrevista ao Metro1.

O secretário, que se mostra otimista em relação ao cenário cultural da cidade, destaca que encontrou na administração municipal um quadro de funcionários apáticos e desestimulados. “Isso é resultado da política cultural que vem sendo desenvolvida na cidade, deficiente e afastada dos movimentos culturais. A vinda de Fernando Guerreiro tem um sentido de movimentar isso. Guerreiro é um cara muito ativo no cenário cultural da cidade. Vamos trabalhar com planejamento e criatividade”, afirmou.

Bellintani ainda anunciou a forma de estruturação do Plano de Cultura, que deverá ser divulgado no próximo mês. “Vamos setorizar a cultura da cidade. Após o Carnaval, já agendamos encontros, que devem ser realizados com pessoal de artes plásticas, literatura, música, etc. O objetivo é criar fóruns de discussões mais específicos para gerar o plano de ação da Secretaria, que deverá ser publicado até o final de fevereiro”, disse.

No Comments Yet

Your Responses